ÚLTIMAS NOTÍCIAS

HÉLIO MACHADO DA COSTA JÚNIOR

Gisela Cardoso: a mais preparada para a OAB-MT

Publicado em

OPINIÃO [email protected]

Este ano, teremos eleições gerais na OAB, sendo que na nossa seccional, até então, se desenham dois pré-candidatos: a doutora Gisela Cardoso e doutor Pedro Paulo.

Conheço Gisela Cardoso desde que ela iniciou sua história na advocacia. Fomos colegas de balcões de secretaria, de audiências, corredores e elevadores dos Fóruns Trabalhistas.

Advogada combativa, leal e respeitosa com colegas, com as partes, juízes e serventuários da Justiça.

Elogiada e respeitada por todos à sua volta. Características estas que chamaram a atenção dos candidatos à presidência da OAB-MT no ano de 2015.

Sim! Isso mesmo: candidatos! Gisela recebeu convite de vários candidatos à presidência da OAB-MT para compor a chapa naquela oportunidade, tendo ela aceitado o convite da chapa que entendeu ser a que mais convergia com seus princípios e sonhos para a advocacia.

De 2016 a 2021, Gisela exerceu as funções de Secretária-Geral Adjunta e vice-presidente, tendo ela desempenhado de forma honrosa seu mister, sempre em defesa dos interesses dos advogados, advogadas, jurisdicionados e jurisdicionadas.

Vejo que a pré-candidatura de Gisela Cardoso surgiu com naturalidade, pois seu destacado trabalho a faz, como ninguém, ser merecedora de ocupar a mais honrosa cadeira da nossa casa!

E eu tenho um motivo ainda mais especial em sonhar com ela sentada em tal cadeira: é ela uma advogada trabalhista. Aliás! Será, com a graça de Deus, a primeira advogada trabalhista a presidir a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso.

E essa satisfação é por ser exclusivamente daqui, da advocacia trabalhista, de onde tiro o meu sustento e de minha família. Ver alguém desta especialidade tendo chances de presidir nossa casa é motivo de orgulho, especialmente aos que aqui militam.

E, claro, faço sem desmerecer qualquer colega ou curriculum, mas me sinto confortável em afirmar que Gisela Cardoso é hoje a advogada mais preparada para assumir a presidência da OAB-MT.

Por todos estes, e outros motivos que delongariam páginas e mais páginas, que declaro meu incondicional apoio à advogada Gisela Cardoso ao cargo de presidente da OAB-MT pelos próximos três anos.

Hélio Machado da Costa Junior é presidente da Associação dos Advogados Trabalhistas de MT (AATRAMAT).

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  É tempo de seca e também de Olho Seco Evaporativo. Cuide-se!
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

OPINIÃO

Estratégias de comunicação para 2022

Publicados

em

As luzes de natal são enfáticas; o ano está acabando. O descerramento de mais um ciclo é – invariavelmente – sinônimo de balanço.

E a aproximação de um ano novinho em folha, claro, nos remete às velhas resoluções. Sabe do que estou falando, né?

Aquela velha dieta que não saiu do papel, aquele curso que não deu certo, a mudança de emprego que não chegou, novos hábitos, enfim. É hora de traçar novas metas e objetivos. E você já sabe como vai se posicionar no mercado em 2022?

O desenho de um ano novo cheio de promessas passa, necessariamente, pela boa elaboração de um Plano de Comunicação Estratégica para você, profissional liberal ou empresa.

Essa ferramenta visa, antes de mais nada, definir um roteiro pelo qual, pessoa física ou jurídica, deverá se guiar, buscando refletir em sua imagem pessoal ou corporativa a melhor expressão da comunicação com seu público.

O Plano de Comunicação Estratégica é fundamental para unificar a mensagem de sua marca, tanto aos colaboradores quanto o público-alvo, que conhecerão a personalidade, os valores e os objetivos embutidos no conceito da marca.

Além de permitir planejar os recursos empregados – desde financeiro, materiais à humanos – de forma ordenada e estratégica.

Nele, os objetivos a serem alcançados são claramente estabelecidos, fornecendo uma ordem das tarefas e ações a serem realizadas.

Dentre as vantagens oferecidas pelo Plano estão o ganho de visibilidade, credibilidade e reputação. A máxima de que o produto se vende sozinho não passa de anedota.

Se não houver uma boa história por trás dele, certamente não permanecerá vivo por muito tempo. Sobretudo em tempos digitais, onde os questionamentos surgem de todos os lados, com urgência enorme por respostas.

Se sua empresa ainda não está na internet pelas suas mãos, estará muito em breve pelas mãos de terceiros.

Portanto, escolha cuidar da sua imagem ou da sua empresa. Se não, outros cuidarão dela, se já não estão cuidando.

Lembre-se: 2022 está chegando! E você, já sabe como quer ser visto ou lembrado no ano que vem? Então está na hora de pensar nisso.

Hugo Fernandes é jornalista, especialista em Comunicação Estratégica e Marketing Político.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  A Lei do Superendividamento e os credores
Continue lendo

PODERES

POLÍCIA

GERAL

VARIEDADES

MAIS LIDAS DA SEMANA